Resenha: No mundo da Luna- Carina Rissi

11064792_684154441691041_7005609926692837573_n

Quem me conhece sabe que amo a Carina Rissi. E assim que consegui fui comprar o novo livro da autora, no mundo da Luna. Carina é uma das melhores autoras brasileiras e fera em comédias românticas. Com livros sempre com um toque de humor, sacadas geniais e muito romance. E esse não foi diferente!

O livro conta a história de Luna, uma jornalista inexperiente que ganha uma coluna de horoscopo semanal em seu emprego. Mesmo sendo de família cigana ela não sabe nada sobre esoterismo e nem acredita em magia. Mas vai precisar de uma ajudinha de sua avó e das cartas de tarô para continuar trabalhando. Além disso ela ainda tem que encarar seu ex namorado que a traiu com a vizinha, e uma indesejada paixão por quem nunca iria imaginar. Seria o romance perfeito, se não fosse com o homem errado. E agora ela terá que lutar com a magia mais poderosa de todas: o amor!

Eu adorei a leitura! Foi leve, ágil, com um toque bem gostoso de humor e romance na medida certa. Mas comparando com Perdida (outro livro da autora) não foi tão viciante. Isso não quer dizer que seja ruim. Apenas não fiquei tão apaixonada pelos protagonistas, não devorei o livro como de costume. O lado bom é que os personagens são super reais, com empregos reais, situações reais e você consegue se identificar na história. E gente, a Carina escreve muito bem, tem sacadas de piadinhas que ficam sensacionais, e no mundo da Luna ela mostra isso muito bem. Então eu super indico!

Espero que gostem, bjinhos :*

 

Resenha: Segredo- L. Marie Adeline

segrego 01

Sem julgamentos, sem limites, sem vergonha. Esse é o lema do Segredo.

Me senti curiosa em relação a esse livro, pelo simples fato da sinopse dizer que ele era diferente de todos os outros. Com menos romance, fantasia, contos de fadas e mais vida real! A protagonista é uma mulher comum, com uma beleza normal e uma vida nada surpreendente.

Cassie é uma viúva de 35 anos que não sabe mais o que é sexo, e se sentir desejada. Esquecendo completamente de quem é, e de suas vontades, ela trabalha como garçonete em um café de New Orleans e mora em um quarto alugado. Sem sonhos, planos e grandes conquistas, se acostumou a ter uma vida chata e sem emoção. Até que ela é convidada para fazer parte de uma organização secreta chamada S.E.G.R.E.D.O. que irá ajuda-la a se redescobrir como mulher e despertar os seus desejos mais íntimos. Mas para isso ela precisará passar pelos 10 passos: rendição, coragem, fé, generosidade, destemor, confiança, curiosidade, bravura, exuberância e por fim escolha.

♥♥♥

Ótimo livro! Diferente, sem clichês e com uma mensagem libertadora!

A protagonista é real, com problemas de autoestima e alguns traumas do passado, se fechou para a vida e não conseguiu mais enxergar outra alternativa a não ser viver em uma grande tristeza e tédio. Cassie esqueceu completamente o que é se sentir desejada e deixou sua sexualidade de lado. Com a ajuda do S.E.G.R.E.D.O. ela se acha como mulher, e começa a entender suas maiores fantasias.

A história é direta, narrada em 1ª pessoa, com uma linguagem adulta erótica e viciante. É uma delicia ver a protagonista se tornar uma pessoa corajosa, feliz, de bem com a vida e sexy. Contudo, o livro não é um romance. Não se trata da história de duas pessoas, e sim unicamente de Cassie. Mas em nenhum momento a leitura ficou chata por conta disso, pelo contrário. Foi um livro que eu não tinha ideia do que iria acontecer a cada capítulo, ou sobre seu final. Não teve nada clichê!

Eu amei!! É uma história de uma mulher que esqueceu de si mesma, busca se reencontrar, e para isso vai realizar todas as suas fantasias. Para quem andava cansado daqueles livros hot cheios de romances melosos, esse livro é perfeito, e já começou a bombar nas livrarias! ( e melhor, por um preço bem acessível)

Interessante também é que é uma trilogia e nos próximos volumes provavelmente conheceremos mais sobre essa “sociedade secreta”.

Espero que gostem! Boa leitura! 😉

Resenha: A Lua de Mel- Sophie Kinsella

a lua de mel

Procurando por um livro mais leve com um toque de humor, me deparei com A Lua de Mel de Sophie Kinsella. Com um tema diferente e ótimas críticas fui ler o quanto antes.

A protagonista é Lottie, uma mulher de 33 anos, que namora a muito tempo e esta mais do que preparada para se casar e ter filhos. Certa de que seu namorado irá pedi-la em casamento num jantar romântico, ela se frustra quando isso não acontece e decidi terminar o namoro. Richard parecia ser o cara ideal, romântico, carinhoso, inteligente, engraçado… Seu único defeito era não estar preparado para juntar as escovas de dentes.

Mas as coisas complicam mesmo, quando Lottie encontra Ben, o ex- namorado de 15 anos atrás por quem foi profundamente apaixonada. E então eles decidem cumprir a promessa que fizeram quando eram adolescentes: se nenhum dos dois tivessem se casado com outras pessoas até os 30 anos, se casariam. Pulando o namoro e se casando as pressas, eles pegam todos de surpresa e seguem rumo para a lua de mel. Mas essa não será nada fácil, já que a irmã de Lottie, Fliss e o melhor amigo de Ben, Lorcan vão fazer de tudo para que o casamento não seja consumado impedindo os noivos de cometer o maior erro de suas vidas.

♥♥♥

O livro tem uma história bem fluída, com um texto engraçado, direto e fácil. Mas os personagens não foram tão carismáticos como eu imaginava, não senti uma química entre eles. Lottie me pareceu imensamente surtada em alguns momentos, assim como sua irmã Fliss. E Richard, Lorcan e Ben não chegaram nem perto de serem mocinhos sedutores e cativantes. Mesmo assim, acabei gostando um pouquinho da Fliss. Tentando ou não acabar com o casamento da irmã, ela tinha seus motivos. Pena que a história não se fixou mais no relacionamento dela e de Lorcan.

A trama foi narrada em primeira pessoa por Lottie e Fliss. Então, assim como vemos os problemas de casamento de uma, vemos também os problemas de divórcio da outra. O final foi esperado, com um ótimo desfecho.

Não foi o melhor livro que li da Sophie Kinsella, mas mesmo assim eu indico. É uma comédia romântica leve e original!

Boa leitura! 😉

Resenha: Bem Profundo- Portia da Costa

bem-profundo

Sinopse:Uma das tarefas de Gwendolyne é esvaziar todos os dias a caixa de sugestões da biblioteca. Um dia, Gwen encontra uma carta direcionada a ela, e se trata de uma proposta indecente. Um homem misterioso começa a lhe mandar correspondências de perder a cabeça e fica claro que ele não quer ficar só no papo! Suas ideias são chocantes, mas excitam Gwen. Enquanto sua imaginação está a mil, ela ainda precisa lidar com o professor Daniel, que está fazendo uma pesquisa temporária na biblioteca. Um homem espetacular, em sua opinião. Gwen começa a fazer avanços sobre o professor inspirada pelas cartas picantes que recebe do admirador secreto. Personagens apaixonantes e um final surpreendente completam este erótico que tira o sono até das almas mais puras. Alguns envolvimentos vão longe demais, e não é possível escapar do que é bem profundo.

♥♥♥♥

Minha opinião: Na febre de romance adulto, Bem Profundo é mais um livro com o tema erótico. Diferente de todos os outros que eu li até agora, ele é bem mais quente, direto e com personagens normais e reais. A trama principal é sexo, e não amor. Esse talvez vá se desenvolvendo conforme a leitura do livro, mas de uma forma secundária. Se você esta querendo ler algo romântico e sem muitos detalhes e palavras “pesadas”, definitivamente esse não é um livro para você! A protagonista esta longe de ser uma mulher ingênua. Mas sim uma mulher que esta em busca de suas fantasias, e da expressão de seu desejo sexual.

Gwen Price é uma bibliotecária recém separada, que começa a encontrar algumas cartas eróticas de um admirador misterioso, que se autodenomina Nêmeses. Mesmo com receio ela adiciona o email do desconhecido, e assim, logo começa um bate papo sexy, ousado e sem rodeios pela internet.

Mas ao mesmo tempo ela fica mais próxima do professor Daniel, que passa por uma temporada na biblioteca fazendo suas pesquisas para um novo livro. Enquanto tenta descobrir quem é o anônimo que tanto manda as tais cartas pornográficas, ela avança em um romance com Daniel. Dando início a um triângulo amoroso pouco convencional, mas muito envolvente.

A história te atrai, e você fica intrigada pelo tal Nêmeses e pelo o que acontecerá com Gwen e Daniel. Não é o tipo de livro que terá uma mensagem inspiradora e que mudará a sua vida. É um livro erótico muito bem escrito (tirando alguns erros de revisão que me incomodaram um pouco), com enredo e personagens simples, sem reviravoltas ou dramas.

E discordo da capa do livro, se referindo a semelhança com Cinquenta Tons de Cinza. São totalmente diferentes!! O que vejo ultimamente com livros desse gênero é sempre uma comparação com Cinquenta Tons, parecendo ser um constante atrativo para compra do livro!  A única coisa que sou forçada a concordar é com o titulo, já que é um dos livros mais “quentes” que já li!

O final deixou um pouquinho a desejar, não combinou muito com a trama. Mas mesmo assim, indico. É uma ótima leitura, rápida e descomplicada!! 😉

Resenha: Amante e nada mais- India Grey

 

11

Sinopse: O perigosamente belo Olivier Moreau tem tudo: poder, dinheiro e uma infinidade de mulheres aquecendo sua cama. Mas há uma coisa pela qual anseia: sua vingança contra a família Lawrence! E que vingança melhor do que seduzir a inexperiente Bella Lawrence… e deixá-la de lado quando estivesse saciado? Olho por olho, coração por coração. Contudo, quando a fria vingança se torna uma ardente paixão, Olivier percebe que não conseguirá deixá-la. Bella permanecerá exatamente onde ele quer: em seus lençóis!

♥♥♥♥

Minha opinião: Encontrei esse livro por acaso e fiquei bastante curiosa pela sinopse. Vingança, amor proibido e todo aquele clichê que eu adoro me chamaram a atenção e decidi ler.

Amante e nada mais é um romance bem presumível, com alguns toques mais quentes sem ser vulgar. A protagonista Bella é aquela mocinha indefesa, delicada, que vive em função do que a família acha certo para sua vida. Já Olivier é um homem bonito, sedutor, frio, em busca de vingança pelo mal que a família de Bella causou a sua muitos anos atrás.

No começo estava até gostando do livro. Mas depois percebi como a ideia da história podia até ser boa, mas foi mal construida. Os protagonistas não agradam, a história não comove! E tudo se passa rápido demais; em uma momento Olivier se mostra um cara horrível e Bella fica muito decepcionada. E no outro, basta um desculpe-me para tudo se resolver! Sem contar outros personagens que no decorrer do livro somem e só aparecem no final. O desfecho da história é péssimo! Não por ser surpreendente demais, mas por ser fraco e corrido.

Olha eu adoro romances clichês que você até sabe o final da história e mesmo assim se apaixona. Mas realmente eu acho que o problema desse livro foi a falta de criatividade da autora, e falta de nexo em algumas partes.

Esse foi o primeiro livro que li da India Grey. Não foi uma experiência muito boa, mas como sei que ela escreveu outros romances, vou dar uma segunda chance e ler Anjo Secreto, que é o segundo livro da história Amor na Grécia, Paixão em Paris. O primeiro é Amante e nada mais.

Bom gente, esse eu não indico. Deixou a desejar!!

Procurando desesperadamente por um livro bom e viciante de verdade!!! Alguma sugestão?!rs

Bjokas

 

Veja o primeiro trailer de Vampire Academy, Blood Sisters (Academia de Vampiros, irmãs de sangue)

academia-vampiros

Saiu recentemente o primeiro trailer do filme Vampire Academy. Pra quem não sabe, o filme é uma adaptação do livro de mesmo nome da autora Richelle Mead, que é fera se tratando de livros com temas sobrenaturais!

São 6 livros ao todo, e devo dizer que é totalmente diferente dessas histórias de vampiros que vimos por aí. Vampire Academy é cheio de ação, sexy, e engraçado! Mas o que me preocupa de verdade, é se vão fazer jus ao livro. Não sei gente, mas não fiquei muito empolgada com esse trailer. Talvez por não ter gostado muito da escolha dos atores. A Rose do filme não tem aquele corpão citado nos livros que deixa os homens loucos, e o trailer me pareceu muito teen!  Mesmo assim estou bem ansiosa, já que é um dos meus livros preferidos. E também com medo de estragaram a história! :/

Abaixo o trailer:

Confira a sinopse e a resenha do livro:

vampireacademy1

SINOPSE: A Escola São Vladimir não é uma escola como outra qualquer. É um esconderijo onde vampiros aprendem a controlar seus poderes e dampiros são treinados para protegê-los. Rose Hathaway é uma dhampira, guarda-costas de sua melhor amiga Lissa, uma princesa vampira Moroi. Há dois anos elas estão fugindo, mas agora foram capturadas e estão sendo levadas à força para São Vladimir — justamente o lugar onde elas mais estão em perigo. Juntas, Rose e Lissa vão ter que lidar com inveja, ciúme e novas paixões, e lutarão para, acima de tudo, proteger uma à outra.

Resenha:

Vampire Academy foi o primeiro livro da autora Richelle Mead que eu li.

E comigo foi diferente da maioria das pessoas que já o tinham lido. Eu não conhecia a Série e nem sabia que no exterior já se tratava de um Best- Seller.

Comecei a ler sem saber o que esperar. No começo, confesso que não me prendeu tanta a atenção. Parecia ser mais um dos livros sobre adolescentes rebeldes. Mas fui firme, e continuei.

E não me arrependo disso. Com certeza Vampire Academy foi um dos melhores livros sobre romances sobrenaturais, e  totalmente diferente das historias comuns sobre vampiros.

O que me cativou foi a personagem principal, Rose. Ela definitivamente é diferente de todas as protagonistas dos livros anteriores que eu já li. Rose é rebelde, decidida e apaixonada. Mas no decorrer do livro ela vai crescendo e você vê nitidamente como começa a se tornar mais madura. Sem perder aquele lado meio louco que eu adoro em Rose.

A historia é narrada por Rose Hathaway  que é uma dhampir (meia- vampira ) e de sua melhor amiga Lissa, uma Moroi ( vampiro de linhagem pura ). Elas são fugitivas da escola St. Vladimir .

Rose acorda devido ao pesadelo de Lissa, onde as duas sofreram um acidente de carro, e os pais e o irmão de Lissa morreram nele. As únicas sobreviventes foram elas duas.

As duas tem uma forte conexão psíquica e Rose muitas vezes pode “invadir” a cabeça da amiga e saber o que ela esta sentindo e pensando.

Não demora muito e Rose e Lissa são pegas pelos guardiões da escola. E agora sem ter como fugirem, elas tentam se integrar a antiga vida, mas nada será como antes.

Lissa começa a ter uma amizade que não deixa Rose nada feliz, e ela fica extremamente enciumada pela amiga. Já que, sua vida esta um bagunça. Começando pelo castigo severo por ter fugido, e para sua confusão, começa a ter sentimentos estranhos pelo seu professor.

O que me fez querer continuar lendo o livro, foi certamente Dimitri. O mais novo guardião de Lissa e que esta sendo o novo tutor de Rose, tentando bota-la na linha e faze-la recuperar os dois anos que esteve afastada da escola.

Dimitri é perfeito. Você suspira quando começa a perceber a ligação que ele e Rose terão. Mesmo ele sendo sete anos mais velho que ela e seu professor!

Fiquei apaixonada pela historia deles, e pelo dilema que com certeza eles enfrentarão.

Achei o livro bem facinho de ler. E a autora faz de um jeito que você não fica perdido.  Estou muito entusiasmada para ler o próximo livro da serie que será Frostbite , em português Aura Negra. Quero muito saber o desenrolar da história entre Dimitri e Rose!

Fiquei realmente maluca e viciada em Vampire Academy!!!

Resenha: A garota que perseguiu a Lua- Sarah Addison

A Garota que Perseguiu a Lua

Sinopse: Como você pode achar seu caminho? Seguindo as nuvens ou a lua? Emily Benedict foi para Mullaby após a morte de sua mãe. Ao chegar à cidade e conhecer seu avô ela percebe que os mistérios do lugar nunca são resolvidos: eles são uma forma de vida. Existem quartos cujo papel de parede muda de acordo com o seu humor, luzes estranhas aparecem no quintal à noite e Julia Winterson, a vizinha, consegue cozinhar a esperança em forma de bolos. Emily percebe que sua mãe esteve envolvida no maior mistério da cidade, e conta com a ajuda de Julia para desvendá-lo. Em Mullaby nada é o que parece.

♥♥♥♥

Fazia algum tempo que eu não me apaixonava por um livro, e A garota que perseguiu a Lua foi com certeza uma leitura apaixonante! Diferente de tudo que eu vinha lendo ultimamente, esse livro foi mágico e fofo!

Ele conta a história de Emily, uma garota que vai morar com seu avô na cidade de Mullaby depois que sua mãe morre em um acidente de carro. Ela fica completamente perdida, já que sabia muito pouco de seu avô e do passado de sua mãe naquele lugar.

Logo nos primeiros dias, ela percebe que a cidade tem alguns mistérios. Emily vê frequentemente uma luz estranha vindo do seu quintal toda noite, o papel de parede do seu quarto muda conforme seu humor e para piorar ela percebe que não conhecia sua mãe como pensava. Algo aconteceu a muitos anos atrás com sua mãe e a família Morgan. E agora eles não podem deixar de gostar menos de Emily. Tudo estaria tranquilo, se não fosse pelo fato que ela se interessaria por um garoto Morgan.

Ela conhecerá também Julia. Uma mulher boa e simpática que estudou com sua mãe nos tempos de colégio, e que aparentemente também tem seus segredos e seus próprios conflitos pra resolver.

Então agora Emily irá embarcar em uma busca pela verdade e em uma nova jornada cheia de magia e mistério!

♥♥♥♥

O livro é perfeito! Uma história leve, sem drama, mas ao mesmo tempo viciante!

No começo você pensa que será um livro cheio de coisas sobrenaturais, e depois você vê que isso não é bem uma verdade. Emily é uma garota de 17 anos tentando se ajustar em uma nova vida, com uma nova família e novos amigos. Mas tudo isso fica muito difícil quando se esta a sombra de uma mulher que nem todos gostavam tanto assim. Curiosa e cheia de perguntas ela irá atrás de respostas e com isso só descobrirá mais e mais mistérios!

Veremos também a história de Julia Winterson, uma mulher que sofreu muito em sua adolescência e que luta diariamente para saber o que fazer com a sombra de seus passado. Mas tudo isso gente, de uma forma muito leve!!!! Não vemos dramalhão, nem chororô…

O livro é contado em 3ª pessoa, e isso nos dá um entender melhor sobre a perspectiva de cada personagem. Só no começo que isso fica um pouquinho confuso e você não sabe quem esta contando a história. Mas depois de alguns capítulos já se resolve. Não é um livro tão adulto, mas tão pouco é para crianças! Me deu um impressão de contos de fadas moderno.

E o final é muito bonitinho!!! Não me decepcionou em nada! Recomendo bastante!!!

Espero que gostem! Boa leitura! 😉

Resenha: Coletânea Sexto Sentido- Kelley St. John

kiss-and-dwell-kelley-st-john

Ela deseja, precisa dele. Mas jamais poderá tê-lo. Porque ele é um fantasma…

Aproveitando o climinha frio, nada melhor do que dar uma esquentada em nossa leitura, não é mesmo?!

Comecei a pouco tempo dar atenção para livros de bancas de jornais. E não estou me arrependendo! A maioria deles tem temática romance sensual, com histórias simples e apaixonantes. Vale a pena procurar!

E hoje quero falar de uma coletânea dessas que eu li e adorei. A série de livros chama Sexto Sentido e é da autora Kelley St. John.

A coletânea baseia-se na história da família Vicknair e seu legado. Eles tem um dom de falar com os espíritos que ainda estão na terra perdidos, e o trabalho deles é ajuda-los a encontrar seu caminho. A cada geração da família alguns são os escolhidos para o serviço. Atualmente, eles são seis e cada um tem seu livrinho e sua história.

O primeiro livro chama-se Paraíso e conta a história de Monique Vicknair. Ela odeia ser médium e todo esse trabalho para além do além esta atrapalhando sua vida sexual. Toda vez que ela esta prestes a resolver seu “probleminha”, recebe algum chamado divino.

Até que ela encontra seu próximo fantasma para ajudar… Ryan Chappelle. Ele é sexy, lindo e delicioso, porém ela não pode esquecer que terá que ajuda-lo a fazer a passagem. Ryan está há mais de um ano no limbo e a sua condição para evoluir é conseguir amar. Em sua vida terrena ele nunca se permitiu amar e agora deve consertar isso. Uma missão nada fácil para Monique que não para de pensar em como seria bom fazer certas coisas com Ryan

♥♥♥♥

Eu adorei! É uma coletânea de romances “hot” bem despretensiosa mesmo! Com histórias fáceis, sem aprofundamentos mas que vale a pena ler! Nada de reflexões filosóficas!!! :p

Os outros livrinhos também são do mesmo estilo e não decepcionam.

Os livros são:

  1. Kiss and Dwell (2007) – Paraíso – Monique Vicknair e Ryan Chappelle.
  2. Ghosts and Roses (2007) – Rosas e Almas – Makayla e Gage Vicknair.
  3. Shiver and Spice (2007) – À Flor da Pele – Celeste Beauchamp e Dax Vicknair.
  4. Fire In The Blood (2008) – ainda não lançado no Brasil – Chantelle Bedeau e Tristan Vicknair.
  5. Bed On Arrival (2008) – ainda não lançado no Brasil – Jenee Vicknair e Nick Madere.
  6. Live and Yearn (2008) – ainda não lançado no Brasil – Nanette Vicknair e Charles Roussel.

Espero que gostem! Boa leitura! 😉

Resenha: Loucamente Sua- Rachel Gibson

Loucamente sua Rachel Gibson001

Sinopse: De volta à sua cidadezinha para atender ao funeral do seu padrasto Henry, a bela cabeleireira Delaney é surpreendida com uma cláusula do testamento dele: se quiser receber a sua herança, ela deverá permanecer um ano inteiro na cidade e não ter “contato sexual” algum com o bad boy Nick, filho bastardo de Henry. Acontece que, dez anos antes, ela e Nick viveram uma paixão, e embora ele seja um mulherengo incorrigível, a proximidade de ambos reacende a antiga chama. Será Delaney capaz de resistir ao motoqueiro de conversa fiada?

♥♥♥♥

Estava procurando por um livro mais hot para ler, e me deparei várias vezes na internet com blogueiras recomendando Loucamente Sua de Rachel Gibson. Dizendo ser um “hot com pegada mais leve”, mas viciante. E claro, corri pra ler! :p

O livro conta a história de Delaney, uma garota que é obrigada a voltar a cidade que morou até a adolescência, quando seu padrasto Henry morre e deixa um testamento onde ela esta incluída. Mas voltar para lá também é reviver o passado e lembrar do filho bastardo do seu padrasto Nick, com quem desde a infância ela teve uma relação de amor e ódio. Quando Delaney fez 18 anos, ela e Nick tiveram uma noite bem excitante juntos, se não fosse pelo fato que seu padrasto os pegou no flagra. E concluindo que aquela situação foi por pura vingança de Nick, e cansada de se sentir enjaulada pelo autoritarismo de Henry e sua mãe, ela decide partir da cidade.

De volta em Truly depois de 10 anos, ela terá que lidar com as cláusulas do testamento para receber 3 milhões de reais, que é; não sair da cidade por 1 ano. Enquanto a cláusula de Nick será não ter relações sexuais com Delaney! A partir dai eles terão vários conflitos e aquele velho sentimento de paixão começará a dar as caras novamente.

♥♥♥♥

Loucamente Sua é aquele livro previsível, que você sabe o final que a história vai ter. Não que isso seja um problema. Afinal já li muitos livros assim, que me apaixonaram. E não foi o caso deste! :/

Eu não consegui ter afinidade com a protagonista! O livro não enaltecia as qualidades dela, e algumas das suas atitudes eram infantis demais!! Pô, voltar a disputar com a antiga rival do ensino médio não da né?!

Nick por sua vez, já apimentava mais a história por ser gato e ao mesmo tempo bad boy. Mas muitas vezes era grosseiro demais!

As partes mais “calientes” foram poucas! Por se tratar de um livro HOT, pensei que seria um pouquinho mais picante! Teve alguns detalhes dessas partes, mas nada vulgar ou explícito demais.

No final aconteceu tudo de uma vez (já que o livro enrolou o máximo que podia), e alguns personagens secundários ficaram esquecidos.

É um bom livro para passar o tempo. Você fica curioso para saber o desfecho da história deles, mas passa longe de ser um livro apaixonante e viciante!

Já foi lançado aqui no Brasil outro livro da autora que é  Sempre ao seu lado. Pelo o que eu entendi ele também se passa na cidade de Truly mas não tem nenhuma relação com os personagens de Loucamente Sua. Muita gente esta dizendo que ele é ótimo! E estou curiosa. Assim que possível vou ler e contar pra vocês o que eu achei!

Boa leitura! 😉

Bjokas

Resenha: Para sempre sua- Sylvia Day

capa-para-sempre-sua-sylvia-day

Páginas: 295

Edição: 3

Editora: Paralela

Sinopse: A partir do momento que conheci Gideon Cross, vi nele algo que precisava. Algo que não podia resistir. Eu vi a alma perigosa e danificada — muito parecida com a minha. Eu estava atraída por isso. Eu precisava dele, tanto quanto precisava que meu coração batesse. Ninguém sabe o quanto ele arriscou por mim. O quanto fui ameaçada, ou quão sombria e desesperada a sombra de nosso passado se tornaria. Entrelaçados por nossos segredos, nós tentamos desafiar as probabilidades. Nós fizemos nossas próprias regras e nos rendemos completamente ao poder requintado da posse…

♥♥♥♥

Após saber que o amor de sua vida Gideon Cross, matou Nathan Barker, Eva fica com uma onda contraditória de sentimentos, e começa a ter muito medo de que a polícia descubra o que aconteceu.

Sem poderem ser vistos juntos por um tempo, eles terão que se encontrar as escondidas, e fingir que a relação teve um fim. Isso não será nada fácil. Ainda mais que surgiram alguns velhos problemas, como: Corinne (ex-dele), Brett (ex-dela), e uma jornalista chamada Deanna Johnson, que em busca de vingança, tentará a qualquer custo difamar a imagem de Gideon.

Muitos problemas ao mesmo tempo, mas apesar de todas as dificuldades o amor dos dois é forte e eles estão cada vez mais envolvidos e próximos. Sem esquecer é claro que todo esse romance tem tórridas e eróticas cenas de sexo.

♥♥♥♥

Estava super ansiosa para ler finalmente Para Sempre Sua, e não achei que a história teve uma continuidade boa e viciante como as duas anteriores. Foi mais devagar, sem tantas surpresas, e com alguns fatos um pouco óbvios demais!

No 3° livro eles estão bem mais apaixonados, se amando como nunca. E em um livro, quando isso acontece, tem que existir alguns probleminhas e diferenciais que deixem a história realmente interessante, senão perde a graça!

Achei que a história do assassinato do Nathan foi pouco aproveitada. E pra piorar o livro acabou do nada, com muita coisa ainda para acontecer! Continua sendo um romance erótico, com cenas fortes e quentes, mas por outro lado ficaram também bem monótonas e iguais.  Enfim gente,  esperava bem mais!

Eu sei que sempre os primeiros livros de uma sequência de livros costumam serem os melhores. Isso aconteceu com Cinquenta Tons de Cinza também. Mas os desafios nos livros seguintes não devem perder o rumo e a criatividade, senão fica chato!

Eu indico o livro para quem gostou da série, mas logo aviso que Para Sempre Sua, não chega perto das histórias dos anteriores!

Boa leitura! 😉

Entradas Mais Antigas Anteriores

Digite seu endereço de email para acompanhar esse blog e receber notificações de novos posts por email.

Junte-se a 178 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: